Três Barras é o município que mais investe em Saúde por habitante na região

Pelo segundo ano consecutivo Três Barras é o município da região que mais investe em Saúde em relação ao número de habitantes.
De acordo com informações da secretaria municipal de Saúde, em 2018 foram aplicados R$ 19,3 milhões no setor, o que corresponde a um investimento per capita anual de R$ 1.009,63.
O desempenho atual é semelhante ao registrado no ano passado, quando o município aplicou R$ 18,8 milhões na área de Saúde.
O município de Irineópolis veio na sequência com R$ 7,8 milhões, o que representou R$ 748,29 para cada um de seus 10.448 habitantes. A título de comparação, em média as cidades catarinenses investiram em Saúde R$ 471,91 por morador no ano de 2017.
A publicação teve como base dados disponibilizados pelo Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde (Siops), do Ministério da Saúde.
Só à Fundação Hospitalar de Três Barras, o município repassou mais de R$ 6,6 milhões durante todo esse ano. Os recursos foram direcionados à manutenção da Maternidade, do Pronto Atendimento Municipal (PA 24 horas) e internações, além do custeio de leitos psiquiátricos, cirurgias eletivas, exames de radiologia, cardiológicos e de análises clínicas, como também de médicos especialistas.
Prefeito Luiz Shimoguiri disse que cuidar da saúde das pessoas é compromisso do atual Governo do Município. “Investimos em ações de saúde pública e notamos avanços não só na melhoria dos atendimentos, mas também na qualidade dos serviços prestados à população”, garante.
O investimento na compra de medicamentos, só neste último ano, foi três vezes maior de que o registrado no ano anterior. Também foi destaque a realização de mutirões de cirurgias eletivas e de exames de média alta complexidade que beneficiaram mais de 700 pacientes.
Muitos dos munícipes atendidos com exames de imagem aguardavam há mais de seis anos pelos procedimentos. Mutirões para consultas e exames oftalmológicos, bem como para cirurgia de cataratas, praticamente zeraram a fila de espera.
Com os postos de saúde gerenciando suas próprias cotas mensais, agora, os pacientes saem das consultas com as autorizações para exames e outros procedimentos médicos.
Além de satisfazer o cidadão, a medida evita deslocamentos desnecessários à secretaria de Saúde do município, acabando de vez com as filas de espera pelas solicitações. “Demos mais agilidade e qualidade aos serviços prestados nas unidades de saúde da cidade e do interior”, frisa o prefeito.
Dos 28 novos veículos incorporados à frota municipal nos últimos 12 meses, dez foram adquiridos para uso exclusivo da secretaria de Saúde. O transporte de pacientes para tratamento fora do domicílio ganhou mais conforto e eficiência com a compra de duas novas Vans.
Duas novas ambulâncias garantem os deslocamentos de pacientes em situações de urgência e emergência para dentro e fora da cidade. Uma delas atende o Hospital e o PA 24 horas, e a outra fica à disposição exclusiva dos moradores do distrito de São Cristóvão.
“Vale ressaltar o trabalho humano, dedicado e eficiente das nossas equipes de saúde, que estão em contato diário com as pessoas e atendendo às demandas, como também da equipe administrativa da secretaria municipal de Saúde, que organiza e gerencia para que os serviços sejam prestados da melhor forma possível”, finaliza o prefeito.